Aviso: O conteúdo aqui apresentado tem uma finalidade exclusivamente informativa sobre um tipo específico de jogo e como jogá-lo. O objetivo deste conteúdo não é nem promover nem disponibilizar um tipo de jogo, mas simplesmente informar o jogador acerca de como jogá-lo.


GTO significa Game Theory Optimal. A 888poker clarifica o seu significado e a sua aplicação para principiantes a fim de ficar a saber como utilizar e que estratégias aplicar.

O termo "GTO" (sigla para "Game Theory Optimal") tem sido muito difundido no mundo do poker online nos últimos anos. Para esclarecer o seu significado e aplicação, o objetivo deste artigo é definir o que é, quando usá-lo durante o jogo, e quais as estratégias a aplicar para como jogar poker GTO, para principiantes e jogadores mais avançados!
 

Índice

  1. O Que É O Poker GTO?
  2. Que Estilo De Jogo É Melhor No Poker: GTO Vs. Explorador?
  3. Estratégia De Poker GTO
  4. Estratégia De Poker GTO: Range de Mãos Iniciais Pré-flop
  5. Estratégia De Poker GTO: Pot Odds
  6. Estratégia De Poker GTO: Frequência Mínima De Defesa (MDF)
  7. Estratégia De Poker GTO: Encontrar Equilíbrio: Sizing das Apostas Em Poker GTO
  8. Estratégia De Poker GTO: Frequências De C-Betting E Tamanhos De Apostas
  9. Software De Poker GTO
  10. Software de Poker GTO: Considerações Sobre Game Trees
  11. Software de Poker GTO: Ranges de Open Raise
  12. Software de Poker GTO: Sizings Recomendados de RFI
  13. Software de Poker GTO: Por Que é Que os Ranges Entre Solvers Diferem?
  14. Software de Poker GTO: Considerações Exploratórias
  15. Conclusão

O Que É O Poker GTO?

No poker, existem dois tipos principais de estratégias vencedoras que pode optar por jogar em qualquer situação:

  1. Explorador: É aqui que vai jogar de maneira a maximizar o seu valor esperado (EV) em qualquer situação, combatendo adequadamente as jogadas abaixo do ideal dos seus adversários e as tendências mais fracas. Sim, jogar desta forma muitas vezes coloca-se em posição para ser explorado também, mas muitas vezes os adversários mais fracos não mudam o jogo para anular isto apropriadamente, permitindo que você obtenha lucros máximos a longo prazo.
  2. GTO (Game-Theory Optimal): Este estilo de jogo é onde basicamente tenta jogar o poker perfeito, o que por sua vez só permite que os seus adversários cometam erros contra si (que é de onde quase todo o seu lucro virá). Este estilo incorpora sempre bluffs ou semi-bluffs misturados às suas apostas de valor, ajudar a esclarecer o tamanho das apostas a serem usadas e muito mais.

Que Estilo De Jogo É Melhor No Poker: GTO Vs. Explorador?

Antes de nos aprofundarmos em conceitos estratégicos sobre o poker GTO, é importante entender qual destes dois estilos de jogo diferentes será mais lucrativo para usar como principiante ou jogador mais avançado. A resposta simples provavelmente será uma combinação de ambos, mas inclina-se geralmente mais para uma abordagem exploratória.

Colocando as coisas de modo simples, a maioria da população de jogadores não joga poker GTO e muitas vezes coloca-se em situações propícias a serem exploradas em alguma parte da sua jogabilidade e estratégia, permitindo que mais lucros sejam obtidos usando uma abordagem exploradora. De facto, é apenas em alguns dos maiores jogos de poker de alto risco que os conceitos de GTO são totalmente utilizados e vistos em prática e, mesmo assim, são utilizadas, por vezes, jogadas exploradoras.

No entanto, conhecer, entender e ser capaz de aplicar o básico do poker GTO vai ajudar a criar uma base sólida para o seu jogo de poker... sem dúvida! Além disso, é importante ter essa linha de base do conhecimento de GTO para que possa saber como se desviar do mesmo quando necessário, a fim de maximizar os lucros.

Estratégia de Poker GTO

Conforme ilustrado no livro de Ed Miller, "Poker's 1%", o conceito mais fundamental que apenas os jogadores de elite entendem e compreendem é o das frequências, que podem estar relacionadas a c-bets, bluffs, folds, calls, raises, etc. Aliás, é sabido que os jogadores de elite têm habilidades que os distinguem dos restantes.

Os solvers de poker GTO (software online para download - algo que será discutido mais adiante neste artigo) geralmente oferecem soluções para jogar da melhor maneira possível em qualquer local, e geralmente recomendam o uso de estratégias mistas com base em frequências selecionadas.

Por exemplo, numa determinada situação no river, um destes programas pode pedir para fazer call com uma mão específica dentro de um range, cerca de 70% das vezes e fazer fold cerca de 30%. Também pode dizer que a determinada altura, deve pagar 50% das vezes, desistir 35% e fazer raise 15% das vezes (com um determinado range de mãos).

As frequências são uma parte do poker de importância fundamental e muitas vezes algo ignorada, mas o conceito disso aplica-se aos 5 seguintes conceitos de GTO do poker:

1. Range de mãos iniciais pré-flop

Para compensar a desvantagem posicional, os jogadores devem fazer open-raise com ranges de mãos mais fortes, quanto mais estiverem fora de posição.

Assim, não basta abrir com as mãos iniciais premium. Considerando os ranges e os princípios GTO, vai querer ter um bom e equilibrado range de mãos de poker iniciais de cada posição, com pelo menos algumas mãos que possam permitir que tenha uma mão de poker muito forte, independentemente da textura do flop.

Encontra em baixo uma tabela pré-flop de Poker GTO para mãos iniciais para jogar 6-max online, que exibe com que range de mãos se deve fazer raise first-in (RFI), depois da ação ter sido chegado a si em fold. A tabela encontra-se codificada por cores que representam diferentes posições da mesa de poker (ver em baixo).

GTO Poker


NOTA: É aconselhável para o GTO que use uma estratégia mista para abrir na small blind, combinando alguns open-limps (conhecidos por "complete" na SB) com open-raises para várias mãos do range, algo que não pode ser ilustrado com o sistema de cores que é usado neste gráfico. Muitas vezes, a solução para decidir quais mãos jogar é simplesmente um problema de matemática, que é algo discutido em baixo.

Outros gráficos de poker GTO pré-flop podem incluir que mãos devem ser jogadas após um raise: com que mãos se deve fazer 3-bet, com que mãos continuar depois de fazer raise e levar 3-bet, etc. O uso destes solvers pode ajudá-lo a escolher com que mãos continuar pré-flop e em que capacidade (call / raise / 3-bet / 4-bet / etc).

2. Pot Odds

Como jogador de poker, deve sempre procurar tomar decisões +EV, que aumentem o seu lucro. Perceber e aplicar os princípios das pot odds (e equity) vai certamente ajudá-lo com isso.

Exemplos de Poker GTO: Pot Odds Pós-flop

Digamos que temos J♥T♥ numa board de 9♥8♥2♠4♣ (open-ended straight-flush draw). Estão €50 no pote e temos €40 na nossa stack. O nosso adversário já o tem coberto e faz all-in. Jogar GTO aqui envolveria simplesmente fazer os cálculos para determinar se um call seria, ou não, +EV ou -EV, pois call ou fold são as nossas únicas opções. (Não haveria mais ação na mão.)

Assumimos que quaisquer restantes copas, damas ou setes, dar-nos-iam uma vitória na mão. Tal significa que temos 15 cartas (outs) para melhorar de entre 46 cartas desconhecidas, o que significa que vamos melhorar 32,6% das vezes.

Mas e se o nosso adversário já tiver um set a determinada altura? Nesse caso, se o 4♥ ou o 2♥ virarem, poderia melhorar a nossa mão para um flush, mas também poderia melhorar a mão do vilão para um full boat. Se reduzirmos o número de outs de 15 para 14,5 para considerar essa possibilidade, tal reduzirá a nossa equity para 31,5%.

Temos agora de calcular as pot odds que estamos a receber:

(montante da aposta / (a nossa aposta + pote)) = pot odds

= €50 / (€40 + €90)             

= €40 / €130

30.7%

Tal significa que devemos ter mais de 30,7% de equity para fazer um call lucrativo. Como temos 31,5% de equity (mesmo quando consideramos a possibilidade do vilão ter um set), podemos ver que esta é uma decisão lucrativa. Sim, vamos perder grande parte das vezes, mas, a longo prazo, vamos conseguir um pequeno lucro fazendo call aqui, sendo essa a decisão certa.

NOTA: Para além disso, note que o conceito de pot odds não é aplicável apenas aos draws. Se um adversário aposta 50% do pote, está a receber probabilidades de 3 para 1 num call, ou seja, deverá ganhar 25% das vezes a fim de tornar o call lucrativo. Assim, se a sua mão atual (e usar uma calculadora de equity como o Equilab no PC ou o PokerCruncher em Mac) tiver uma equity superior a 25% em relação ao range subentendido do seu adversário, deve fazer o call.

Exemplos Poker GTO: Probabilidades de Pote no Pré-Flop

Vamos supor que faz raise para 3bb pré-flop e recebe 3-bet do botão para 9bb. A ação chega de novo a si e deve decidir como agir. Em situações como estas, podemos de facto usar as pot odds para ajudar na tomada de decisões.

Nesse caso, o tamanho do pote é:

= (nosso open + tamanho da 3-bet + small blind + big blind)

= (3bb + 9bb + 0,5bb + 1bb)

= 13,5bb

Tal significa que precisamos pagar 6bb para tentar ganhar um pote de 13,5bb, o que significa que precisaríamos de ter uma equity de aproximadamente (6bb / (6bb + 13,5bb)) = 30,7% contra o range da 3-bet para continuar .

No entanto, existem pelo menos três factores adicionais a ser considerados:

  • Desvantagem Posicional: Quando se está fora de posição em relação ao nosso adversário, será muito mais difícil perceber a nossa equity na mão, pois ele será capaz de, efetivamente, utilizar melhor a sua posição para nos colocar em situações difíceis. Como resultado, geralmente devemos adicionar ~ 7% à nossa equity necessária para continuar, de modo lucrativo, contra o range de mãos do vilão.
  • Probabilidades implícitas / Probabilidades implícitas inversas: Esta é a capacidade de ganhar ou perder uma quantia significativa de mais dinheiro pós-flop (do que aquele que investimos pré-flop) como resultado do dinheiro restante na nossa stack.
  • Range de mãos do vilão: embora os números das estatísticas de 3-bet possam ser obtidas com um tamanho de amostra grande o suficiente (ou seja, 8% do valor da 3-bet no botão), os números não nos dizem com quais 8% das mãos o vilão pode estar a apostar. Ambos os gráficos em baixo representam 8% das mãos possíveis, usando uma abordagem polarizada e despolarizada.

Range de mãos despolarizado (7,4% das mãos):

GTO Poker

Ranges de mãos polarizado (7,54% das mãos):

GTO Poker

Como pode ver, o conteúdo que compõe cada range de mãos é muito diferente. Além disso, não sabemos necessariamente se ele está a apostar em algumas mãos durante um certo período de tempo e a pagar ou a desistir dessas mesmas mãos outra percentagem das vezes.

No entanto, saber como proceder corretamente contra um range de mãos específico resume-se, em parte, ao uso de uma estratégia exploradora. Seguindo o GTO, o próximo conceito vai ajudar a permitir que continue com facilidade.

3. Frequência Mínima de Defesa (MDF)

Este conceito refere-se à % de mãos do nosso range com a qual devemos continuar (a pagar ou a aumentar) para não sermos explorados pelos nossos adversários. Note que este conceito é mais utilizado em estudos fora da mesa e pode ser difícil de aplicar em jogo.

No entanto, estudar estes conceitos principiantes de GTO fora das mesas vai ajudá-lo a tomar decisões durante uma mão, especialmente contra adversários que demonstram agressões implacáveis.

A fórmula para determinar o MDF é:

TAMANHO DO POTE / (TAMANHO DO POTE + TAMANHO DA APOSTA) = MDF

Para ajudar a simplificar isto, aqui está um gráfico GTO de poker com tamanhos de aposta comuns que pode encontrar numa mão de poker e a frequência mínima de defesa correspondente que deve aplicar.

 

Tamanho Aposta em relação ao tamanho do Pote (%)

Frequência Mínima de Defesa (%)

100%

50%

75%

57%

66%

60%

50%

67%

33%

75%

 

Para determinar com que mãos deve continuar, pegue no número de combinações de mãos no seu alcance de mãos iniciais e use o MDF para calcular com quantos combos deve continuar. Geralmente, deverá escolher as mãos com a melhor jogabilidade e maior equity em relação ao alcance de apostas do seu adversário.

Como exemplo, suponha que faz raise do HJ e a BB faz call. O flop vira Q♥9♥6♣. O seu adversário toma uma decisão pouco comum e sai a apostar meio pote. Com base no MDF, devemos continuar aqui com 67% do nosso range.

Usando a tabela das mãos iniciais acima, podemos determinar que estamos a abrir 254 combos a partir do HJ, algo parecido com isto:

GTO Poker

De acordo com o MDF, devemos defender 67% dessas mãos, ou 170 combos afim de sermos inexplorável. As mãos com as quais devemos continuar são as que mantêm a mais alta equidade e jogabilidade, incluindo:

  • Flush draws
  • Open-Ended Straight Draws
  • Gut-Shot Straight Draws
  • Overcards
  • Qualquer par ou melhor

Tal significa que talvez o nosso range contínuo no flop seja mais ou menos assim:

GTO Poker

Os destaques a serem observados incluem o seguinte:

  • Eliminamos pares de 4 e 5, pois têm poucas probabilidades de melhorar no turn ou no river.
  • Mais ainda, continuamos apenas com combinações de copas AX (com um flush draw) que não têm um par ou melhor para acompanhá-lo.
  • Por fim, vamos incluir 4 combos de AJo, todos os 3 que têm o Ás de copas e o A♣J♥, que pode bloquear um combo nut flush backdoor.

Para simplificar as coisas, vamos supor que pagamos com todas essas mãos e que o turn é uma blank (2 de espadas). O nosso adversário faz uma aposta do tamanho do pote. Agora, para permanecermos inexploráveis, de acordo com o MDF, devemos defender 50% do nosso range contínuo no flop, o que significa que devemos deixar 85 de 170 combos. Essa estratégia deve ser composta pelos nossos melhores flush draws, os nossos melhores straight draws e as nossas melhores mãos feitas, que pode ser algo assim do género:

GTO Poker

Note que continuamos com todos os nossos combos de:

  • Nut flush draws
  • Par + flush draws
  • GS + flush draws
  • Segundo Par, Top Kicker+
  • Um combo de JJ que não bloqueia o flush draw ou o backdoor flush draw.

O mesmo exercício pode ser repetido no river; no entanto, desta vez, poderemos desistir de todos os nossos draws perdidos numa aposta e manter todas as nossas mãos mais fortes. Lembre-se de pensar nos efeitos das blockers e na remoção de cartas ao pagar com algumas mãos mais fracas (para evitar overcalling e decidir quais combos específicos são melhores para continuar, de acordo com o MDF.

4. Encontrar Equilíbrio: Sizing das Apostas no Poker GTO

Para permanecer inexplorável (e permanecer equilibrado e imprevisível), deve incluir alguns bluffs com as suas apostas por valor. O número de bluffs que inclui no seu range de apostas depende do tamanho da aposta que faz (em relação ao pote). Este conceito é aplicável apenas a situações no river, já que draws (“semi-bluffs”) no flop e turn ainda possuem equity, enquanto que no river, draws eliminados não possuem equidade (sendo assim bluffs totais).

NOTA: Para o flop, vai desejar um rácio de bluff para aposta de cerca 2:1. Tal ocorre porque não haverá tantas mãos feitas no flop como no river e também porque os seus bluffs geralmente ainda contêm equidade. Para o turn, é recomendável uma taxa de "bluffs" de cerca 1:1. Quanto ao river, use a tabela em baixo para determinar as frequências de bluff no poker GTO (em relação à sua escolha de tamanho de aposta):

Tamanho Aposta

Valor Aposta %

Bluff %

25%     (1/4-pote)

83%

17%

33%     (1/3-pote)

80%

20%

50%     (1/2-pote)

75%

25%

66%     (2/3-pote)

72%

28%

75%     (3/4-pote)

70%

30%

100%   (Pote)

67%

33%

150%   (1.5x-pote)

62%

38%

200%   (2x-pote)

60%

40%

O modo como este gráfico funciona é em relação às pot odds que coloca ao seu adversário. Se apostar 50% do pote, o seu adversário terá 3:1 de ppot odds e, portanto, deverá ganhar 25% das vezes, se ele quiser pagar. Como resultado, a teoria do GTO no poker diz que deve incluir 25% de combinações de bluff neste range de apostas, para que possa estar indiferente ao call/fold do seu adversário.

Os melhores bluffs para incluir num range de apostas no river seriam aqueles que não bloqueiam as mãos que deseja que o seu adversário tenha (ou não tenha). Por exemplo, no caso de flush draws perdidos, apostar com flush draws ace-high perdidos muitas vezes seria um erro, porque iria bloquear um flush draw perdido que deseja que o seu adversário tenha quando está com bluff no river (o que significa que seria menos provável que ele o tivesse, se você tivesse duas das cartas de flush draw). Mais ainda, o ás-alto geralmente traz consigo algum valor de showdown ainda no river.

Se um 3-flush chegar no river e desejar fazer raise, aumente o número de bluffs com alguns combos de AX segurando o ás do naipe do bluff na board pois será uma opção aceitável. Se bloquear o nut flush, tal significa que o seu adversário não pode ter esse combo nutted no seu range.

5. Frequências de C-Betting e tamanhos de apostas

Os conceitos e estratégias para principiantes do GTO não consistem apenas em bluffs e apostas de valor. Estes também permitem que possa ver quantas vezes deve apostar em determinados pontos e também mostra qual o tamanho de aposta a usar! Os solvers de poker já ajudaram jogadores de topo de forma dramática com esses aspectos, que é exatamente o que discutiremos na próxima seção.

Software de Poker GTO

Vários solvers de Poker GTO foram lançados nos últimos anos para ajudar os principiantes, jogadores intermédios e avançados a mostrar como jogar poker corretamente, de um ponto de vista mais equilibrado/GTO em várias situações.

O PokerSnowie e o PioSolver são os programas mais comuns vendidos no mercado no momento para ajudar no trabalho GTO e nos estudos de poker nos bastidores.

Apesar de não conseguir calcular os vários ranges de mãos dos jogadores e com quais mãos apostar ou fazer check em tempo real, dedicar algum tempo a estes programas para estudar estratégias detalhadas de jogo GTO irá melhorar consideravelmente o seu jogo nas mesas. Também ajudará a aumentar o seu  nível de discernimento e entendimento para ser mais GTO no poker.

As metodologias GTO nas quais vai melhorar com o uso de solvers podem incluir equilíbrio de ranges, a escolha de bet sizings ideais, domínio de frequências c-bet e muito mais.

1. Considerações Sobre Game Trees

Quando falamos sobre um conjunto de ranges obtidos com solvers, referimo-nos a um grupo de ranges de uma determinada game tree.

Uma game tree é uma representação de todas as ações possíveis que poderão ter lugar numa mão de poker. Há tantas coisas que podem acontecer numa única mão. Por isso, não é viável para um computador, lidar com todas as ações possíveis.

Nós simplificamos a game tree para tornar as coisas práticas. Seguem-se exemplos de simplificações que podem ter lugar quando passamos uma mão por um solver de poker:

  1. Limitar os jogadores para um único tamanho de aposta em situações pós-flop específicas.
  2. Remover a opção pré-flop de fazer cold-call em posições específicas.

Estes ajustes tornam a game tree mais fácil de gerir e permitem-nos fazer cálculos para conjuntos de ranges pré-flop num espaço de tempo razoável. A desvantagem é que as simplificações da game tree diminuem a precisão do resultado final (ranges pré-flop, neste caso).

Mesmo com simplificações significativas, os ranges pré-flop que resultam deste cálculo são mais precisos do que qualquer outra coisa antes de existirem poker solvers.

Olhemos para a nossa estratégia de raise first-in de cada posição na mesa.

2. Ranges de Open Raise

Raise First-In (RFI) do Lojack

Frequência de raise first-in recomendada pelo solver: 17.9%
 

lojack open raise gto


Quando uma mão tem um misto de raise e fold, o EV (expected value [valor esperado] / lucro médio) de fazer raise é zero.

Por exemplo, o solver diz que devemos abrir 22-55 algumas vezes. No mundo dos solvers, isto também implica que quando abrimos com raise, devemos esperar que o EV seja precisamente 0 (o mesmo que fazer fold).

  • Um solver só pode seguir diferentes linhas de ação com a mesma mão se esperar que ambas tenham o mesmo EV.
     
  • Então, por que é que o solver nos diz para abrir estas mãos se sabe que o EV de abrir é 0?

Por questões de balanceamento. 

Apesar de fazer open-raise com Duques não nos dar nenhum dinheiro, caso não abríssemos 22, o nosso adversário seria potencialmente capaz de explorar a nossa estratégia.

No geral, o range é relativamente forte, consistindo principalmente de broadways suited, pares de mão, Ases suited e algumas broadways off-suit.

Raise First-In do Hijack

Frequência de raise first-in recomendada pelo solver: 22.7%
 

hijack open raise gto


Nesta posição, devemos fazer open-raise com todos os Ases suited, todos os pares de mão e a maioria das broadways off-suit. O solver começou a introduzir Reis suited e suited connectors/gappers no range de raise.

Vale a pena lembrar que o solver não considera muitas destas mãos especialmente cruciais. Calcula que o EV de Ases suited (A9 e abaixo) é menor do que 10% de uma big blind, em média.

As únicas mãos a gerar mais do que 0.25bb são 88+, ATs+, KJs+ e AKo. Por isso, podemos provavelmente fazer raise com um range um pouco mais tight do que aquele que o solver nos apresenta e, ainda assim, gerar uma winrate muito boa.

  • Este raciocínio assume que os nossos adversários não são bons o suficiente para explorar o facto de estarmos a abrir com um range muito tight. Mas assumir isto não é realista em muitos jogos.

O contra-argumento diz que devemos jogar um range mais amplo do que o do solver em muitos spots, pois os nossos adversários estão a jogar muito pior do que aquilo que o solver assume (o solver presume que estamos sempre a jogar contra oponentes que jogam um GTO perfeito).

Raise First-In do CO

Frequência de raise first-in recomendada pelo solver: 30%
 

cutoff open raise gto


Podemos descrever este range como sendo direcionado para a equity. O solver prefere mãos como A8o ao invés de mãos que podemos considerar “jogáveis” como 54s. 

Uma mão como 54s é visto como um open-raise comum para muitos jogadores no cutoff. Mas o solver diz que devemos apenas abrir esta mão algumas vezes nesta posição.

Repare que A5o é normalmente avaliado acima de mãos como A7o e A6o. O aumento que o melhor kicker representa na equity é quase nulo e A5o tem o potencial de completar uma sequência do Ás ao Cinco.

Raise First-In do BTN

Frequência de raise first-in recomendada pelo solver: 43.3%
 

open raise botão gto poker


O Botão é a melhor posição da mesa e o solver diz-nos para abrir um range relativamente amplo.

Apesar de nos dizer para abrir mãos especulativas como 85s e 64s, o solver não inclui A3o e A2o no range. Estas mãos são open-raises padrão para muitos jogadores no BTN. 

Esta estratégia não significa que não podemos abrir tais mãos lucrativamente. Considerando que os nossos adversários nas blinds não serão jogadores a implementar uma estratégia GTO perfeita, podemos, muitas vezes, abrir o range para mais de 50% no botão.

Raise First-In da SB

Frequência de raise first-in recomendada pelo solver: 40.9%
 

open raise small blind gto poker


Deve ter reparado imediatamente em algo que não é muito normal neste range de RFI da SB. A frequência de raise com a maioria das mãos não é de 100%. A SB é a única posição da mesa onde o limp (conhecido por “complete” neste contexto) é uma opção estratégica válida e teoricamente correta.

  • A frequência de complete recomendada pelo solver neste cenário é de 4.2%.
  • Todas as mãos com que devemos fazer open-raise também têm alguma frequência de complete.
     
  • Geralmente, devemos fazer complete mais frequentemente com mãos mais fracas (talvez 10% das vezes).
  • Em contrapartida, devemos fazer complete menos vezes com as mãos mais fortes (talvez 5% das vezes).
  • Nas restantes ocasiões, devemos fazer raise first-in com estas mãos.

3. Sizings Recomendados de RFI

Os solvers não nos dirão automaticamente qual o melhor sizing de open-raise para cada posição. Incluir várias opções para sizings de RFI resultaria numa game tree demasiado grande.

Mas é possível correr vários cálculos em solvers e verificar o valor esperado de diferentes sizings individuais.

A análise de um solver indica que open-raises maiores são mais lucrativos em posições finais da mesa.

  • Por isso, um open-raise de 2.5bb ou 3bb do botão e da small blind será mais lucrativo do que um min-raise.
  • Em contrapartida, min-raises nas posições iniciais da mesa sobrepõem-se a raises maiores.

Esta abordagem é oposta a muitas estratégias de sizing aceites. Até recentemente, a maioria dos jogadores assumia que devem ser usados tamanhos de raise maiores do início da mesa e tamanhos mais pequenos nas posições finais.

Mas parece que a lógica por trás da recomendação de sizings por parte dos solvers é bastante lógica e direta. As posições finais da mesa são mais lucrativas. Por isso, a estratégia correta envolve investir mais fichas pré-flop nestas posições.

4. Por Que é Que os Ranges Entre Solvers Diferem?

stack de fichas poker


Talvez tenhamos acesso a outro conjunto de ranges pré-flop provenientes de solvers e perguntamo-nos porque é que diferem daqueles documentados neste artigo. Se estamos à procura de uma solução ótima para jogar poker, então os ranges provenientes de solvers não deveriam ser todos iguais?

Eis as razões pelas quais os ranges pré-flop não são exatamente iguais entre solvers:

  • Game Trees Diferentes. Tal como mencionado acima, as game trees pré-flop e pós-flop podem ser construídas de forma diferente. Por isso, também o resultado será diferente.
     
  • Solvers com Precisão Diferente. Os solvers têm, geralmente, um alto nível de precisão, mas não são 100% precisos. Obter uma solução 100% precisa demoraria muito mais tempo e não aumentaria dramaticamente a qualidade do resultado. Portanto, o resultado do solver irá variar dependendo do momento em que o solver parou o processo.
     
  • Tamanhos de Stacks Diferentes. Nem todos os cálculos pré-flop são feitos com cash games de 100bb em mente. Se dermos ao solver stacks diferentes, os ranges pré-flop resultantes serão um pouco diferentes.
     
  • Rake Diferente. Especificar a percentagem de rake e limite de rake quando estamos a fazer cálculos em solvers é possível, para que possamos refletir a solução em torno de jogos específicos. Jogos com limites mais altos geralmente têm rake mais baixo, o que significa que podemos jogar ranges pré-flop um pouco mais amplos. 

5. Considerações Exploratórias

Os ranges RFI GTO são um excelente ponto de partida e devem formar uma base sólida para formular a nossa estratégia.

Mas, tal como explicámos anteriormente, para obter melhores resultados, devemos desviar-nos destes ranges RFI com base nos erros dos nossos adversários.

Seguem alguns exemplos:

RFI do Botão

O solver faz raise com 43.3% das mãos. Mas muitos grandes ganhadores fazem raise com mais de 50% do seu range no botão.

E a razão é simples: muitos adversários jogarão incorretamente nas blinds.

Poderão estar a:

  1. Fazer fold com demasiada frequência vs roubos do botão;
  2. Cometer grandes erros pós-flop.

Ambas são boas razões para fazer raise com um range de mãos mais amplo do botão do que aquilo que o solver recomenda.

Complete na SB

No modelo acima, o solver apenas completa 4.2% das vezes. Isto assume que a BB estará, corretamente, a fazer raise de mais de 40% do seu range contra um complete da SB.

Mas, analisando os dados à nossa disposição, concluímos que, em média, os jogadores estão a fazer raise com cerca de 27% do range na BB em cenários como este. E, por isso, conseguimos ver um flop muito mais frequentemente do que aquilo que o solver espera.

Esta informação permite-nos completar lucrativamente com um range mais amplo de mãos da SB do que aquilo que o solver recomenda.

Ranges pré-flop calculados por solvers são uma excelente ferramenta para criar uma base para a nossa estratégia. Para obter melhores resultados, devemos alterar estes ranges base dependendo das tendências dos nossos adversários.

Também devemos prestar atenção ao range no geral e não a pequenos detalhes na força das diversas mãos.

Kara Scott e Martin Jacobson

Antes de terminar, e afastando-nos um pouco do tema principal, já que vos demos a conhecer as suas opiniões e conselhos no vídeo acima, vamos descortinar um pouso sobre estes dois gigantes do Poker internacional, Kara Scott e Martin Jacobson.

Kara Scott é uma jogadora de poker internacional nascida no Canadá e que se tornou uma das Embaixadoras 888 mais queridas da atualidade. Entre os seus muitos talentos ela é praticante de Muay Thai e é adepta de um estilo de vida saudável. Foi apresentadora de um dos mais premiados programas de televisão de poker, o “Poker Night Live” e escrevia regularmente para a revista “Flash” e a “Cardplayer Magazine”. Não é por isso de estranhar que tenha lançado este ano um dos podcasts mais esperados para os seus fãs, o “Heart of Poker”, onde planeia partilhar os segredos do poker e claro o melhor das suas habilidades profissionais. Kara tem também uma longa lista de grandes jogos de poker tendo privado em torneios como as WSOP e os torneios da 888Live em Londres.

Outro grande nome do poker e Embaixador da 888 é o sueco Martin Jacobson, que apesar de hoje ser jogador de poker profissional, estudou para ser chef. Mas não foi na cozinha que nos deixou boquiabertos. Em 2014, Martin ganhou o maior torneio do mundo, o Main Event das World Series of Poker arrecadando 10 milhões de dólares, o quinto maior prémio na história do poker mundial. Passou até por Portugal, num dos grandes eventos de Vilamoura em que acabou em segundo lugar. Fã incondicional de meditação é um dos elementos importantes do seu sucesso, utilizando muitas vezes a aplicação Headspace para se focar e conseguir ultrapassar os momentos de maior intensidade no poker. Outra curiosidade é o facto de não ter carta de condução, prefere gastar o tempo com momentos mais salutares, como apreciar a sua casa em Las Vegas.

O poker é importante, mas as pessoas são o elemento que fazem do poker um jogo tão diverso.

Conclusão

Com o cenário em constante evolução no mundo do poker, os jogadores estão sempre a desenvolver as suas capacidades para melhorar e obter uma vantagem no jogo. Embora muitas vezes o uso de uma estratégia explorável tenha margens de lucro mais altas do que o uso de uma abordagem baseada no GTO, conhecer e entender os conceitos iniciais e mais avançados do GTO certamente pode ajudá-lo a obter uma vantagem. Eis as razões:

  • Cria uma base sólida para sua jogabilidade.
  • Torna mais fácil saber como desviar a sua estratégia (exploradora) para certos vilões quando tem essa linha de base estabelecida.
  • Permite que evite guerras com os seus adversários, porque irá tomar decisões acertadas no poker com base numa estratégia GTO confiável e inexplorável.
  • Não é necessário fazer suposições sobre os estilos de jogo dos seus adversários.
  • Não é necessário que esteja somente vocacionado para resultados.

Este artigo é apenas a ponta do iceberg dos conceitos de GTO e da teoria do poker. Continue a estudar as estratégias fornecidas e considere seriamente investir no software de poker GTO listado acima, pois poderá ajudá-lo a fazer melhorias consideráveis no seu jogo.

Artigo Inicialmente Publicado a 29 de Março de 2021

Sobre o Autor
Por

Os artigos sobre poker que não vai querer perder. Tudo sobre o melhor poker físico e online, em Portugal. Encontrará aqui artigos sobre 888 Poker e os seus torneios e todos os eventos especiais que possam ser do seu interesse. Abordamos igualmente o tópico sobre estratégias de jogo, mãos de poker, dicas vitais para vencer nas mesas, curiosidades, factos e tudo o que se possa relacionar com o poker em Portugal.

Artigos Relacionados

Carta Alta no Poker

Estratégia Exploratória - Consequências

5 Erros Comuns a Evitar

Um Par no Poker

Tells no Poker Online

Baseie-se nos Dados

Programe o Seu Estudo

Objetivos no Poker

Poker Solvers - Saiba Tudo

Magnus Carlsen no Poker?