Aviso: O conteúdo aqui apresentado tem uma finalidade exclusivamente informativa sobre um tipo específico de jogo e como jogá-lo. O objetivo deste conteúdo não é nem promover nem disponibilizar um tipo de jogo, mas simplesmente informar o jogador acerca de como jogá-lo.


  • Muitos de nós têm um cantinho no coração reservado para o poker e outro para o futebol e a verdade é que ambas estas paixões têm mais em comum do que imaginamos;
  • Uma das semelhanças mais interessantes é o facto de cada um deles poder ser jogado tanto a nível recreativo como a nivel profissional e o que os separa neste aspeto é a acessibilidade por parte dos amadores em jogar ao lado de profissionais do poker;
  • Estruturalmente, poker e futebol também andam de mãos dadas já que ambos são jogos estruturados de forma a minimizar a sorte e tentar garantir que os melhores ganham mais frequentemente.

 

Ninguém terá coragem de nos corrigir se dissermos que o futebol é, possivelmente, a maior paixão de grande parte dos Portugueses no que toca a entretenimento. A ansiedade de jogar contra um rival, a frustração por não conseguir ganhar, a emoção de marcar no último minuto, os grupos de amigos juntos a ver uma partida de futebol... todos estes ingredientes fazem deste desporto o predileto em muitos países Europeus incluindo o nosso.

A ambição, a esperança e excitação que nos levam a adorar futebol não são, no entanto, sentimentos exclusivos a este desporto. Aliás, pensando sobre o assunto, são precisamente momentos que nos proporcionam estas sensações que, entre outras coisas, nos mantêm apaixonados pelo jogo sobre o qual aqui escrevemos todas as semanas: o poker!

Posto isto, achámos ser uma boa altura para nos debruçarmos sobre aquilo que o poker tem em comum com o futebol e, quem sabe, tirar algumas conclusões interessantes.

Índice

  1. Jogadores Profissionais
  2. Diversidade Cultural
  3. Estilos
  4. Estrutura
  5. Poker Melhor do Que Futebol?

Jogadores Profissionais

Uma das semelhanças mais interessantes entre ambos os desportos (futebol e poker) é que cada um deles é jogado tanto a nível recreativo como a nível profissional. Jogar um cash game de No Limit Hold’em NL2 (€0.01/€0.02) pode ser visto como o equivalente de jogar futebol com os amigos na escola enquanto que marcar presença num cash game NLH €100/€200 transmitido na TV assemelha-se muito mais a uma final da Liga dos Campeões ou do Campeonato do Mundo. 

Para além disso, há diferentes níveis de profissionais em ambos os jogos. No poker, um excelente regular em limites baixos seria, muito possivelmente, humilhado se decidisse jogar torneios High Roller de €10.000, por exemplo.

Esta divisão entre profissional/amador é precisamente a fonte de uma das maiores diferenças entre poker e futebol: a acessibilidade. Uma das coisas que torna o poker atraente é o facto de não existir qualquer tipo de discriminação entre profissionais e amadores; desde que consiga pagar o buy-in, o lugar é seu. Este cenário, obviamente, não é o caso no futebol em que o mais perto que poderá um dia estar de jogar ao lado do seu jogador favorito será na Playstation ou caso decida invadir o campo a meio duma partida. No poker, esta discriminação não poderia, de todo, existir porque os profissionais dependem da presença de jogadores recreativos para fazer dinheiro. Sem amadores não existiriam profissionais porque para eles existirem, alguém tem de perder.

Este tipo de igualdade não é apenas desnecessária no futebol (devido às injeções de capital, patrocinadores, venda de bilhetes, prémios das ligas etc.)... a mesma não pode existir. Jogadores profissionais de futebol são simplesmente demasiado “valiosos” para permitir que um amador tenha a possibilidade de o lesionar ainda que completamente sem querer. Recuemos ao ano 2006 para nos lembrarmos do tackle de Boris Johnson, o atual Primeiro Ministro Britânico, sobre Maurizio Gaudino, uma ex estrela do futebol alemão, numa partida de beneficência. Jonhson não estava a jogar Rugby e ninguém o avisou. Perigoso? Sim. Engraçado? Muito, mas é um excelente exemplo que prova que é perigoso permitir este género de convivência entre amadores e profissionais dentro das quatro linhas.

 

 

Para jogadores de futebol profissionais, o risco de algo do género acontecer não compensa minimamente. Por outro lado, os profissionais de poker não têm de se preocupar com este tipo de risco porque, tirando o ego ferido ou as artroses nas mãos por brincarem com as fichas horas a mais, é praticamente impossível alguém se magoar nas mesas. 

Diversidade Cultural

Tanto o futebol como o poker são favorecidos como desporto por serem mundialmente famosos. Todos os países têm a sua cultura que, por sua vez, também tem influência na forma como o jogo é abordado. Se por um lado os Alemães trazem o seu clássico tipo de ordem e compostura de quem parece querer organizar a nossa gaveta dos talheres, os Brasileiros e Franceses normalmente exalam uma paixão e talento que dão vida tanto às maiores ligas de futebol do Mundo como às mesas de poker.

Da mesma forma que cada instrumento fortalece uma orquestra individualmente, cada cultura traz as suas próprias qualidades únicas tanto para o futebol como para o poker.

 

poker futebol

 

A Premier League, sendo uma das ligas mais culturalmente ricas do Mundo, é um excelente exemplo de como este tipo de globalização pode enriquecer um desporto. No entanto, a multiculturalidade na Premier League também traz consequências. Apesar da Premier League ser uma das mais respeitadas ligas em todo o Mundo e, inclusivamente, considerada por muitos como a melhor liga de futebol do planeta, a seleção inglesa conta apenas com um título no Mundial da FIFA e nenhum no Campeonato Europeu o que pode ser considerado fruto da fraca aposta na formação de jogadores Ingleses por consequência da forte aposta em jogadores estrangeiros por parte dos clubes da Premier League.

O multiculturalismo pode não ser a parte mais importante do poker ou do futebol, mas definitivamente adiciona níveis de beleza a ambos os desportos que outros fatores não conseguiriam oferecer. As WSOP, por exemplo... funcionariam apenas com jogadores Americanos, mas é a internacionalidade do evento que o torna tão único.

Estilos

Apesar de, no geral, ser possível apontar diferentes tendências culturais, o estilo individual acaba por se sobrepor em cada jogador. Se entrarmos numa sala cheia de pessoas em fila e empurrarmos uma a uma sem aviso prévio, provavelmente obteremos uma mistura de reações. Algumas poderão chorar, outras dizer palavrões, outras olhar-nos-ão com ar desafiante, mas o mais provável é perguntarem-nos “Porque raio fizeste isso?!” ou partirem de imediato para a violência em resposta (não que não fosse merecido). Todos somos únicos. Todos agimos, pensamos e reagimos de forma diferente. Pensemos em arte... o que para uma pessoa pode ser uma obra de arte, para outro pode ser um bocado de tinta atirado contra uma tela. É a natureza humana, e esta individualidade é vital não só para a existência do poker e do futebol como desportos, mas também como fontes de entretenimento.

Olhemos para isto desta forma: se tivéssemos dois programas de computador a jogar ao Jogo do Galo heads-up, seria extremamente enfadonho. Ambos jogariam perfeitamente e todos os jogos acabariam num empate. Não poderia haver profissionais e, certamente, não haveria fãs. No entanto, felizmente, nem poker nem futebol funcionam desta forma (principalmente porque o processo de tomada de decisão não é tão rígido como no Jogo do Galo).

A escolha inerente tanto ao poker como ao futebol permite criatividade. Cada jogador pode introduzir o seu estilo no jogo e esta individualidade é muito mais complexa e preponderante do que qualquer um dos estereótipos culturais que mencionámos anteriormente.

Os extraterrestres do futebol atual, Ronaldo e Messi, são excelentes exemplos disso. Ambos são considerados os melhores jogadores de futebol do Mundo e ambos são de continentes diferentes. Tanto um como outro têm estilos de jogo diferentes, mas ambos destroem equipas duma forma nunca antes vista. Outra dupla que pode servir de exemplo seria Rooney e Sterling... o primeiro utiliza, principalmente, o poderio físico enquanto o outro favorece a técnica e velocidade. Ambos têm sucesso, ambos são Ingleses, mas têm um estilo de jogo completamente diferente um do outro.

O mesmo verifica-se no poker. Jogadores mega agressivos como o Fedor Holz ou Tom Dwan são famosos pela sua intrepidez implacável, enquanto outros jogadores como, por exemplo, Daniel Negreanu preferem uma abordagem ao jogo mais sólida e sem correr riscos desnecessários. São jogadores com estilos totalmente diferentes, mas todos eles destroem nas mesas de poker.

Este lado criativo é o que torna estes desportos tão emocionantes. Tal como os fãs de futebol adoram ver o Ronaldo ou o Messi dançar por entre os defesas adversários, os fãs de poker deliram ao ver o Holz ou Dwan fazerem bluffs inacreditáveis ou o Negreanu a fazer uma read inacreditável da mão do seu oponente. O estilo gera criatividade e a criatividade faz o desporto evoluir.

Estrutura

Estruturalmente, poker e futebol também partilham algumas semelhanças. Os torneios consistem numa coleção de partidas de futebol e de mãos de poker. Uma partida ou mão únicas podem cair para qualquer um dos lados, mas a estrutura minimiza a sorte, garantindo que a melhor equipa ganha o torneio (ou liga) mais frequentemente – tal como deve ser em qualquer desporto de competição.

Obviamente, vemos por vezes uma vitória por parte dum Jamie Gold ou dum Leicester City, mas é precisamente isso que também faz de qualquer desporto tão emocionante.

Poker Melhor do Que Futebol?

Ao longo deste artigo apresentámos várias semelhanças entre poker e futebol: ambos podem ser jogados a nível recreativo e profissional, ambos são fontes de entretenimento, divertidos e incitam à competitividade. Tanto um como outro une culturas e traz uma competitividade saudável e amigável para dentro do campo ou para cima da mesa. 

Mas uma das maiores diferenças entre eles é a acessibilidade aos jogos por parte dos jogadores. Não nos lembramos de qualquer outro desporto que permita que amadores meçam forças com os jogadores de elite tão frequentemente como no poker e, se tivéssemos de escolher um vencedor, este fator daria a vitória ao poker ainda que por pouco.

Sobre o Autor
Por

Amante e jogador de poker, Frederico traz temas de interesse sobre a modalidade para o nosso blog. Artigos sobre estratégia, dicas, notícias ou simples curiosidades marcarão presença assídua aqui, na 888Poker.

Artigos Relacionados
Quem São As 7 Grandes Estrelas em Ascensão do Poker?

7 Miúdos Maravilha do Poker

Conseguiria Competir no Top 7 de Cash Games High Stakes?

Cash Games High Stakes

Saiba Tudo Sobre a História do Poker

A História do Poker

Truques com Fichas, Stacks Gigantes e Mais

Truques com Fichas

Serão Estas as 9 Melhores Apostas de Sempre no Mundo do Poker?

Apostas - Top 9

Poke - O Prato Havaiano

Poke - O Prato Havaiano

Choker - A Fusão Entre Poker e Xadrez

Choker - O Que É?

Prominence Poker - O Poker como Videojogo

Prominence Poker

Jogos Para Jogar Com Amigos - Os Melhores

Jogos Para Jogar Com Amigos

Jogos Arcade – Insert Coin!

Jogos Arcade – Insert Coin!